Entre Páginas – Mar da Tranquilidade

Por , 19 de junho de 2013 20:18

Não é de hoje que estava curiosa por me aventurar nas páginas de Mar da Tranquilidade, da autora Katja Millay. Já tinha lido o seu prólogo uma, duas vezes, mas sempre acabava colocando outra leitura no seu lugar. Até que resolvi seguir em frente…

 


Mar da tranquilidade
A pianista prodígio Nastya Kashnikov quer duas coisas: passar pelo colegial sem que ninguém saiba sobre o seu passado e fazer o garoto que lhe tirou tudo – sua identidade, seu espírito, sua vontade de viver – pagar.

A história de Josh Bennet não é segredo para ninguém: todas as pessoas a quem ele amava foram retiradas de sua vida e, aos dezessete anos, não lhe resta mais ninguém. Agora, tudo o que ele quer é ser deixado em paz e, de fato, assim os outros o fazem – afinal, como seu nome é sinônimo de morte, todos tendem a lhe dar espaço.

Todos, exceto Nastya, a nova e misteriosa garota da escola, que começa a aparecer em todos os lugares e não vai embora até que ela esteja ligada a todos os aspectos da vida dele. Mas, quanto mais ele passa a saber sobre ela, mais enigmática ela se torna. Conforme o seu relacionamento se intensifica e a pilha de perguntas não respondidas aumenta, ele começa a se perguntar se em algum dia descobrirá os segredos que ela esconde – ou até mesmo se ele quer descobri-los.

 

Antes de mais nada… Olhem para essa capa!!! Confesso que ela foi um dos pontos principais que me levou a ler este livro. Tá… Quem eu estou querendo enganar? Este foi, talvez, o único ponto que me levou a lê-lo, uma vez que não tinha nem ao menos lido a sua sinopse – fui no escuro mesmo! E não me arrependi!

Como disse lá em cima, já tinha dado uma “espiada” no prólogo antes de mergulhar na leitura de fato e ele me deixou bastante intrigada. Logo de cara, ficamos sabendo que algo realmente grave aconteceu no passado da protagonista e é esse mistério que nos fisgará à narrativa até o final.

Nastya não é uma menina “normal”. Depois do trauma que assolou sua vida e lhe tirou o que possuía de mais valioso – sua música –, a garota se fechou dentro de si mesma. Há mais de dois anos sem falar, a protagonista resolve mudar para a casa de sua tia e começar uma nova vida longe de seus pais, de forma a não ter que conviver diariamente com as consequências da tragédia. E é justamente essa nova vida que a leva a Josh, um garoto igualmente perturbado pelas tristezas e desilusões de uma vida solitária.

Não sei bem definir em que gênero podemos classificar a obra da Katja Millay… Ela fica naquela linha tênue entre o bom e velho Young adult e o badalado New adult. Por quê? Bem, a idade dos personagens a colocaria no universo dos YA mas a temática polêmica e delicada, assim como a presença de cenas um pouco mais “calientes”, já o dariam a conotação de um bom NA. Mas isso é o de menos… O que vale dizer é que para ambos os estilos, o texto é bem satisfatório.

Assim como em No Limite da Atração, o destaque da obra é, sem dúvida, a construção dos personagens. Os dois protagonistas são muito bem desenvolvidos – seus medos, traumas, desejos e sonhos são bem focados e explorados, o que só soma ainda mais veracidade à trama.

O seu relacionamento também segue essa linha – não é daqueles “instantâneos”. Muito pelo contrário! Ele se dá de forma gradativa, conforme um vai “conhecendo” melhor o outro. Aliás, gostei muito da maneira com a qual a autora construiu essa familiaridade entre eles. É um refresco aos romances “desesperados”, digamos assim.

Porém, apesar de ter me “apegado” bastante ao enredo, senti que a Katja enrolou um pouco para desenvolver os pontos principais da história. São praticamente 400 páginas antes de finalmente compreendermos tudo o que aconteceu no passado de Nastya. Ela poderia muito bem ter encurtado (ou até mesmo cortado) algumas passagens e ter ido mais “direto ao assunto”. Mas, fora isso, tenho pouquíssimas ressalvas ao livro – tanto, que mal vi o tempo passar e o devorei em apenas dois dias!

Se você gosta de um bom romance contemporâneo, pontuado por dramas profundos… Essa é, sem dúvida, uma boa pedida!

 

 

Ficha técnica

Título: Mar da Tranquilidade

Autor: Katja Millay

Editora: Arqueiro

Páginas: 368

Avaliação: 4/5 estrelas

Onde comprar:

Compre na Cultura Compre na Saraiva

Deixe uma resposta