Entre Páginas – Amor em Jogo

Por , 9 de outubro de 2014 9:17

Amor em Jogo era um livro muito esperado por mim, se você já leu algo da Simone Elkeles sabe do que estou dizendo. Se você nunca leu nada dela está na hora de começar e se apaixonar.

Amor_Em_Jogo_Simone_ElkelesAshtyn Parker já está acostumada a ser abandonada, e aprendeu a não se deixar envolver demais em nenhum relacionamento. Quando sua irmã mais velha volta para casa, depois de dez anos, com um enteado a tiracolo, ela não quer saber de nenhum dos dois. O que Ashtyn não esperava é que o tal garoto mal-encarado e sem nenhum limite seria também… Irresistível. Depois de ser expulso do colégio interno em que estudava, Derek Fitzpatrick não teve outra escolha senão ir morar com a esposa de vinte e poucos anos de seu pai, que está viajando pela Marinha. Além de ter que aturar a madrasta, ele recebe a notícia de será obrigado a se mudar da Califórnia para sua cidade natal, Illinois. A vida não tinha mesmo como ficar pior… O que ele não esperava era que aquela garota briguenta e fã de junk food seria capaz de mexer tanto com seus sentimentos.

O que mais me faz gostar desses livros Young Adult é a capacidade dos autores ambientarem suas histórias em um clima High School, livre, leve e mesmo assim, com uma pitada grande de drama para apimentar ainda mais o enredo.

Um Plot legal foi a Ashtyn, a protagonista do livro ser uma jogadora de futebol americano e sofrer toda aquela pressão sobre ela, ainda mais quando ela ganha a faixa de capitã do time, fazendo com que seu namorado que jurava que ia ganhar acabar sentindo uma inveja grande.

E por outro lado temos o Derek, que é debochado, não gosta de levar as coisas a sério e só se importa com ele. Mas claro, ele não é assim porque quer, precisou a camuflar seu verdadeiro eu por causa dos baques que a vida deu nele. E consigo super entender o que ele passa. Ele tem ótimas tiradas.

Se você já leu algum livro da Simone Elkeles, sabe que mesmo escrevendo para jovem adulto, ela não lhe poupa emoção e nem cenas fortes em seus livros. Mas dessa vez ela resolveu ser mais leve, e mesmo assim joga muita carga dramática e emocionante em quase suas 400 páginas. E sempre intercalando os capítulos entre Ahstyn e Derek, dá para entender melhor o ponto de vista de cada um sobre as situações que ocorrem.

Mesmo gostando, senti uma quedinha na qualidade de escrita da Simone. Se na série Return to Paradise ela foi bem dramática, na trilogia Perfect Chemistry ela conseguiu alinhar três histórias e intercalar a vida dos protagonistas dos livros de uma forma dinâmica (sem deixar o drama de lado, claro). Em Amor em Jogo ela se mostrou um pouco mais contida, como se tivesse explorando sua mitologia de uma forma mais devagar, pisando em um novo território. Mas não deixa de ser um livro bom, ele é leve e para se ler quando você estiver com leituras que te sufoquem,

Como todas as histórias, Amor em Jogo é livro com pontos positivos e negativos, e isso é bom, porque arriscar de vez em quando é ótimo e a Simone Elkeles sabe muito bem fazer isso. Gostei do começo da nova trilogia e vou acompanhar ansioso pelo lançamento do próximo livro. Recomendo muito a leitura, e tenho certeza de que você vai amar a história de amor e de loucuras de Ashtyn e do Derek.

Quero agradecer a Editora Globo que cedeu um exemplar do livro para resenha. E podem esperar que logo em breve teremos uma surpresa com a Simone Elkeles aqui no blog. Aguardem!

Ficha Técnica:

Título: Amor em Jogo (Wild Cards #1)

Autor: Simone Elkeles

Editora: Globo

Páginas: 360

Avaliação: 4/5 estrelas

Deixe uma resposta