Blá Blá Blá – O Homem-Máquina e Seus Problemas

Por , 10 de dezembro de 2014 9:00

tumblr_m2ua0zyNhA1r4ueyro1_500_large

Não sabemos ao certo quais são os problemas que o homem do Séc. XXI vai enfrentar daqui para frente, mas até hoje desde a mudança do século, colhemos coisas boas e ruis por causa do avanço da tecnologia.

Sabemos que o Séc.XX foi o século da tecnologia, o mais que avançou desde o começo dos tempos, ou desde que o homem evoluiu. As grades realizações maquinarias, vacinas contra muitas doenças e a máquina deixando as fábricas e rumando para dentro de casa, participando de nossas vidas.

Em pleno 2014, muitas máquinas se tornaram parte do nosso corpo, uma extensão que não conseguimos viver sem. Internet foi uma das invenções que ajudou muito, mas que atrapalha e com grandes impactos. Muitas pessoas não conseguem estar de corpo presente numa confraternização, por exemplo, deixando de participar de atividades reais, para viverem a experiência virtual. Uma experiência solitária e de troca de vida, a pessoa assume a vida de outras pessoas, às vezes não sabendo qual a real e a virtual.

Com a chegada dos smatphones, deixamos de lado o computador caseiro, ou Notebooks e passamos a vivênciar a experiência da mobilidade através de pequenos (ou grandes) aparelhos que substituem muitas das funções que usávamos em modo HARD nos PC’s. Abrimos um e-mail enquanto saímos de casa e chegamos a uma estação de trem/metrô, conseguimos programar a vida em aplicativos especializados, podemos acessar as redes sociais que hoje são motivos de euforia e vício, ver vídeos e muitas outras funções.

A extensão da tecnologia está tão em alta que chega a ser questão de moda, hoje os cientistas e estilistas criam todo o tipo de protótipo de tecnologia vestível, ou seja, aquela que está no corpo, mas ao mesmo tempo está conectada á bancos de informações, ou conhecidos com a NUVEM.

Reconheço o valor da informação e de tudo o que a tecnologia nos proporciona. Mas é uma verdade universalmente conhecida que tudo o que é usado de forma pesada e constante pode causar danos. Além do vício em tecnologia e redes sociais, ainda não sabemos muito bem quais são os danos que nossos corpos podem sofrer em um curto/longo espaço. Mas com certeza não irá ser benéfico à saúde.

Precisamos saber dosar o virtual e o pessoal, e fazer com que a tecnologia e o avanço da informação seja usada ao nosso favor. Pois dos males o menor, e antes eu que ela (a tecnologia).

Deixe uma resposta