Fala Série! – Grace and Frankie

Por , 5 de junho de 2015 12:05

Estaria o Netflix se tornando a grande referência para as futuras séries de TV? Grace and Frankie é uma boa indicação de que já é uma realidade.

Grace-and-Frankie-Netflix-Original-Cast

A série acompanha Grace, uma executiva de cosméticos aposentada e Frankie, uma hippie professor de arte, que ambos os maridos, Robert e Sol, são dois advogados de sucesso parceiros no mesmo escritório em São Diego.

As vidas de Grace e Frankie viram de cabeça para baixo, quando seus maridos anunciam que são apaixonados e estão deixando as suas esposas para ficarem juntos.

Agora, as mulheres, que nunca gostaram uma da outra, são forçadas a viverem juntas e dar suporte uma a outra, enquanto tentam enfrentar esse novo capitulo de suas vidas.

Desde que House of Cards fez sucesso mundial, a confiança da Nextflix com as suas séries próprias aumentou bastante. Nos últimos anos, já estamos partindo para a terceira temporada de Orange is the new Black (Muito boa), vamos ter uma segunda temporada de Demolidor (excepcional!) e Unbreakable Kimmy Schimidt (bacana) e no verão estreia mais uma série com Amy Fu**** Poehler no elenco.

Entre isso, as outras séries disponíveis lá, eu posso afirmar que acompanho atualmente poucas series durante a temporada. Acho mais fácil esperar, por exemplo, a 4° temporada de Scandal sair lá do que ver na TV e com isso vamos entrando em uma nova era.

cdn.indiewire.comQuando vi os anúncios de Grace and Frankie com a Jane Fonda, sabia que iria fazer questão de assistir a série. Além de uma boa atriz, acho ela tão linda e uma referência para todas nós, afinal não é qualquer uma que consegue chegar aos 77 anos daquele jeito.

A série que conta com um elenco forte e experiente, já ganha pontos por contar sobre a vida de uma faixa etária que não vemos na TV normalmente. Ainda consegue incluir temas ainda debatidos, como Homossexualidade, velhice e drogas, fica ainda mais difícil encontrar tudo isso em um pacote só.

Classificada como uma comédia, a série tira proveito desse seu status, para fazer uma situação trágica, um tanto absurda que acaba virando engraçada.

Frankie é a personagem que mais sofre com toda a situação, mas o seu jeito riponga e desapegada, acaba lhe fazendo mais rir do que chorar com ela.

Na verdade, não há espaço para lágrimas aqui dentro. A criadora é a mesma de Friends, que sabe dosar bem esse ponto. Só achei que falta mais situações para darmos aquelas risadas altas, sabe? Mas até aí, isso sendo um padrão recorrente nos sitcoms atuais, onde o humor negro anda imperando.

Ambas Jane Fonda e Lily Tomlin se incorporam em suas personagens, assim como o casal de coadjuvantes, Sam Waterson e Martin Sheen que vivem os ex-maridos que estão namorando e vão se casar, Sol e Robert.

A grande sacada foi terem incluído dramas e situações dos filhos de ambos, que acabam movimentando um pouco a história fora do eixo central e evitando cair no mais do mesmo em todos os episódios. Eu pessoalmente adoro o Nwabudike!

26FRANKIE4-articleLargeO roteiro está afiado e com duas personagens na casa dos setenta mas bem ativas. A série tem espaço para trabalhar com outros pontos com elas, como trabalho e namoro, o que hoje em dia com a longevidade e as pessoas se cuidando mais, está se tornando uma realidade.

Porém, assim como Unbrakeable Kimmy, senti que os últimos episódios caem um pouco em qualidade do que os primeiros.

Mesmo assim, é uma ótima opção para assistir durante o final prolongado, principalmente porque como a série é curtinha (13 episódios), você consegue matar tudo em menos de 2 dias.

O final é forte e deixa um gancho legal para a próxima temporada e não se surpreendam, se os quatro atores principais concorrão ao Emmy e Globo de Ouro, na próxima temporada das premiações.

O estanho vai ser se eles não estiverem.

Deixe uma resposta