Chá da Tarde – Entre Páginas: Péricles

Por , 11 de novembro de 2015 9:00

Header post

Aviso aos navegantes:

William Shakespeare escreveu peças para serem encenadas, por isso é muito diferente você somente ler o material. No final de cada post, tentarei colocar links para peças disponibilizadas pelos realizadores no Youtube, para que essa vivência seja presenciada

 

Esse post faz parte do Desafio Shakespeare!
Para conhecer o desafio completo, clique AQUI!

A Experiência

Com a última peça do nosso desafio sendo vencida, compartilho aqui um GIF que descrevem bem como foi esse momento na minha vida:

tumblr_nslfalMwwp1uqe8iio1_400

O desafio não acaba por aqui, mas os próximos dias serão muito mais tranquilos com a leitura de contos menores, e por fim, os tão esperados poemas (que já aviso que vão compensar cada centavo).

Resenha

PericlesQuando Péricles de Tyre consegue resolver um desafio para ficar com a filha de um rei, uma redemoinho de desgraças caíra sobre a sua cabeça e sobre a sua família.

E muito anos será necessário para que tudo se acerte, mas terá Péricles força para continuar como um homem integro em meio a tantas provações?

Ao começar a ler Péricles, você pode pensar que esteja em um conto de fadas ( não a versão bonitinha da Disney, mas a real criada pelos Irmãos Grimm e companhia) e no final vai suspirar dizendo, sim era um conto de fadas de verdade.

Há pessoas que dizem que consegue ser até melhor que A Tempestade que também tem moldes de conto de fadas, pessoalmente eu gostei mais do segundo, mas gosto é gosto.

Péricles, não duvido, pode ter sido a inspiração para diversas viés de grandes histórias posteriores. A relação de Cleon e Dionyza com Marina gritou Os Miseráveis em meus ouvidos e assim, com a última peça da sua lista, eu percebi mais claramente como a influência de William pode ter sido até maior do que temos consciência.

Talvez se fosse para montar a sequência, preferiria terminar as peças com alguma que gostei muito (Muito Barulho por nada, estou olhando para você), mas tudo tem o tempo certo, e Péricles teve o dele.

Ficha Técnica:

Nota da Fanny: 3 estrelas

Título original: Pericles

Próxima Peça: A Lover’s Complaint (Conto)

A Peça

Deixe uma resposta