Cafelícia – Eu comprei uma DolceGusto…e adorei!

Por , 3 de abril de 2016 13:11

*Esse NÃO É um publipost, somente a singela opinião de uma consumidora que comprou o produto.*

como-funciona-dolce-gusto-vale-a-pena-2

Podia falar que desde que entrei para a equipe desse blog fui motivada a tomar mais café, mas essa seria uma mentira deslavada.

Meus pais amam, minha avó amava e com isso, desde pequena, ainda sem todas essas pesquisas atuais eu tomava café normalmente.

Só que desde que parei de tomar refrigerante (que vai valer um post também), eu passei a tomar mais café, chá, cappucino, suco e qualquer outra variação desse tipo, e felizmente, foi bem quando a moda das cafeteiras italianas de popularizou.

No começo, eu me afastei delas, porque afinal você pensa em uma cafeteria italiana e o negócio é muito CARO.

Foi quando duas pessoas me recomendaram e depois de muito pensar e tirar dúvidas, resolvi me dar uma DolceGusto de presente de natal, e não poderia ter arrumado um presente melhor!

Eu não experimentei as outras cafeterias de perto (algumas só tomei café em restaurante), e por isso, estou falando da minha experiência com a DolceGusto, que tem um fator que agrada de cara: O preço.

De todas do mercado, é uma das mais baratas, além de outras pessoas terem me falado que algumas das outras cafeterias não tem tanta variedade de opções de cápsula, só fornecendo o bom e velho café mesmo, o que não era uma opção que me agradava.

Uma das grandes diferenças dessas máquinas é a necessidade de comprar as cápsulas. Cada caixa pode chegar à R$ 26,00 e varia de 8 à 16 xícaras por caixinha. Opções como o chá você vai utilizar só uma cápsula por bebida, já itens como cappucino e o meu favorito, chocochino, precisa de duas cápsulas por vez, o que faz acabar mais rápido.

O preço pode soar salgadinho, mas você coloca ali e pum! Em alguns segundos o seu café diferente (ou não) está pronto.

.E comprei para exatamente dias, como um domingo à tarde que você está em casa, com amigos ou não e quer tomar algo diferente, sem precisar sair de casa e bater até o shopping e/ou cafeterias para isso. E nesse ponto, ter uma comodidade assim é demais.

Agora levanto, ligo a minha cafeteira e ali está o meu café. <3

Minha única grande recomendação é se for dar de presente, escolher bem a pessoa que vai dar. Meus pais (que ainda passam café no coador) acharam ela desnecessária , então fica de olho antes de dar, porque nem todos vão achar tão inacreditável assim.

Crédito da Foto: Karina Bachini do E aí Beleza

Deixe uma resposta