Café Irlandês – Porque Sabrina – A Aprendiz de Feiticeira era uma série tão boa?

Por , 31 de maio de 2016 12:05

cafe irlandes

Entre tantas séries voltando a ativa, algumas eram muito boas, outras…nem tanto.

Um possível revival é de Sabrina, Aprendiz de Feiticeira que vamos ser sinceros foi uma das melhores séries DE TODOS OS TEMPOS.

Os efeitos eram podres e as piadas no nível para agradar toda a família, mas o programa tinha muitas (boas) piadas e sem apelação. Para relembrar os bons tempos, listamos os motivos porque a série era tão boa!

abertura

1 – Ela era uma aluna mediana, como a maioria de nós.

Mesmo sendo uma bruxa ela tinha dificuldade em algumas matérias na escola.

E se envolvia em confusão com os professores.

Ruim na escola

2 -A Plot era esquisita, mas funcionava

Os roteiristas hoje em Hollywood devem quebrar a cabeça para encontrarem plots palusíveis para as suas séries, mas Sabrina (uma meia bruxa), morava com as suas duas tias bruxas, que cuidavam de um condenado a passar 100 anos como um gato (porque uma das tias era a sua seguidora).

tias 2

3 – Salem é o melhor personagens coadjuvante

Um gato que fala.

Salem 3

4 – O melhor

E que solta comentários sarcásticos.

Salem

5 – O MELHOR!!!!

E que queria dominar o mundo a qualquer custo.

salem 2

6 – Ela podia mudar de roupa com um gesto

O sonho de qualquer mulher.

roupas

7 – Ela tinha um namorado fofo

<3

Harvey

8 – E gostava muito de comer

Lembrando que pudim é a sobremesa da felicidade!

comida

9 – Ela perdia a cabeça quando precisava

O episódio da ‘novela mexicana’ é hilário.

Anger issue

10 – As Tias

Como deveria ser, as duas tias eram mais doidas que ela.

As itas

 

 

Um comentário para “Café Irlandês – Porque Sabrina – A Aprendiz de Feiticeira era uma série tão boa?”

  1. Joana D'arc disse:

    Legal! Não sabia que Sabrina era uma série, só tinha conhecimento do filme.

    [Responder]

Deixe uma resposta