Café irlandês – 7 Motivos para ler/assistir Outlander

Por , 11 de abril de 2017 9:00

cafe irlandes

 

Monotemática, eu? Imagina!

 

1. James Fraser

 

JamieFraser

 

Não tem jeito. Ele tinha que figurar no topo dessa lista!

Jamie é um herói improvável. Dono de uma personalidade pura (ou pelo menos a mais pura que um guerreiro escocês do século XVIII pode ter), o personagem encanta com seu coração bom, seu caráter inquestionável e suas tiradas pra lá de engraçadas, capazes de trazerem alívio cômico até para os momentos mais tensos.

 

2. Mocinha badass

 

ClaireBeauchamp

 

Esqueça as personagens femininas doces e delicadas – elas não têm vez em Outlander!

Claire é uma personagem astuta e sagaz, que consegue ler nas entrelinhas. É bem verdade que ter uma noção do que acontece no futuro ajuda, mas ela está sempre ligada nas segundas intenções das pessoas que a cercam.

Além disso, eu não sei vocês, mas se eu fosse uma mulher do século XX que voltasse subitamente 200 anos no tempo não acredito que lidaria muito bem com os costumes mais “bárbaros” daquela época – sem falar na medicina e na higiene (ou falta de)… mas Claire tira tudo de letra!

 

3. Viagem no tempo

 

Outlander

 

A principal premissa da obra de Gabaldon é um elemento que causa curiosidade e encantamento em praticamente todo mundo: e se fôssemos capazes de viajar no tempo e alterar o rumo dos acontecimentos?

 

4. Contexto histórico

 

Jacobitas

 

Apesar de ser uma obra puramente de ficção, a autora pesquisou muito sobre o contexto histórico no qual sua obra é ambientada. E esse esforço transparece ricamente em seus livros.

Tem de tudo: luta pelo poder, imperialismo da Inglaterra, rebeldes e, claro, os bastidores da monarquia.

 

5. Magia e superstições

 

Fadas

 

Essa não seria uma boa fantasia se não envolvesse elementos mágicos!

Grande parte desses elementos é caracterizado pelas próprias superstições do povo daquela época, que teme a revolta das fadas e feitiços das bruxas.

 

6. Cenas de ação

 

Fight

 

Roubos de gado, brigas de bar, batalhas e lutas mortais. Tudo isso e muito mais está presente em grande dose nas páginas da série!

 

7. Romance

 

Claire e Jamie

 

Outlander é, acima de tudo, uma grande história de amor. Apesar de toda a trama política, o relacionamento de Claire e Jamie é o principal foco da saga e conquistou uma legião de fãs.

Confesso que, no livro, demorei para acreditar de fato na química do casal principal – no princípio eles têm uma relação um tanto estranha e truncada e custa um pouco para sentirmos uma faísca.

Já na série, acabamos apaixonados por Jamie quase que imediatamente (e acredito que o ótimo ator Sam Heughan tem tudo a ver com isso). Apesar disso, na adaptação televisiva o romance tem menos espaço do que nos livros – ele é mais equilibrado com as tramas políticas, que ganharam um viés mais profundo e ainda mais interessante.

Deixe uma resposta