Pipoca Salgada – Rey e Kylo Ren: Uma vida dividida e unida pela Força – COM SPOILER

Por , 17 de dezembro de 2017 21:47

Esse post contém Spoiler para quem não viu Star Wars – Os Últimos Jedi, para ler o post sem spoiler, clique AQUI.

star-wars-the-force-awakens-rey-kylo-ren

Eu passei uma quantidade de tempo nos últimos dois anos criando e lendo as diversas teorias sobre a linhagem da Rey (como eu falei nesse POST), e a forma como olhávamos para esse assunto, mostrava como havíamos programado nosso cérebro, para automaticamente  vincular com alguma das famílias anteriormente citadas na saga.

Obviamente, que uma menina qualquer de Jakku, pilota talentosa, guerreira forte e que utilizava a força de uma forma natural, precisava estar vinculada com os Skywalkers ou com o Kenobis. Ou com alguma outra família da série,certo?

Então, não.

Como é revelado no final do filme, Rey é filha de um casal qualquer de Jakku que a trocaram por um pouco de bebida e que morreram a muito tempo em algum lugar no planeta. Rey contou tanto para ela que os seus pais haviam lhe deixado por algo maior, por algum grande segredo, que ela mesmo passou a acreditar nisso, e a aceitar isso como uma verdade.

De uma forma triste, essa mentira lhe ajudou a enfrentar o desafio de viver abandonada e a esperar por algo inatingível.

StarWars-Rey-TA

Do outro lado, Ben Solo, nasceu dentro de uma família de lendas, que ajudaram a derrotar o Império e carregou no seu sangue todo o poder da Força, que foi lhe passada pela sua mãe. Ben teve a oportunidade de viver com os seus pais, de treinar com o seu tio, mas como aprendemos ao longo das mais de 2 horas de The Last Jedi, o próprio Luke admite que aquilo não tinha sido o suficiente para salvar Ben de virar Kylo Ren.

Em O Despertar da Força, Léia fala para Han “Há ainda luz nele, foi o Snoke que o fez virar para o lado negro.” Ela como mãe e nós como público, não conseguíamos aceitar o fato de que o filho de Léia e Han havia se tornado exatamente o que eles tinham combatido por tanto tempo.

Ele não deveria ser assim, e nos assim como Rey, vamos sendo convencidos disso durante Os últimos Jedi.

Star Wars: The Last Jedi..Kylo Ren (Adam Driver)..Photo: Industrial Light & Magic/Lucasfilm..©2017 Lucasfilm Ltd. All Rights Reserved.

Uma das características mais forte desse roteiro, foi ter colocado esses dois guerreiros, Rey, sem nenhuma linhagem e tentando aprender o seu lado, e Kylo, sendo humilhado e cobrado por Snoke, dividirem momentos de troca e conversa.

A Vanity Fair escreveu um artigo perfeito sobre a simetria sexual entre esses dois personagens e vocês podem conferir AQUI.

Eles se conectam e para o público começa a fazer sentido, afinal, Kylo é para ser do lado dos mocinhos e Rey é filha/neta de alguém importante. Certo?

Então, não.

1511220578Kylo_Ren_and_Rey_Star_Wars_The_Last_Jedi_pngDe uma forma simples, mas poderosa, o roteiro nos faz rever e mostrar que depositávamos nossa confiança e teorias em algo maior e inacreditável, mas que a realidade era algo mais simples do que podíamos esperar.

Rey é filha de ninguém e Kylo é mal (E é mal não porque ele foi influenciado).

Nesse filme se fala muito que os oprimidos veem no símbolo da Resistência a esperança, e é mostrado no final do filme como exatamente isso funciona, mas temos em Rey a amostra de onde isso pode levar qualquer um.

Enquanto a força de Kylo vem de uma linhagem amaldiçoada pelos passos errados de Anakin, Rey nasce de algo mais puro e simples, o da esperança.

Somente o último filme da saga nos mostrará como esses dois personagens terminarão e como será a relação deles, mas algo é certo: Rey e Kylo mostraram mais do que a diferença entre o lado negro e o lado luz da Força, eles nos mostraram que só vemos nas entrelinhas, aquilo que queremos ver.

A saga tem e e focará em outros personagens, mas a introdução dessas duas peças no universo, foi crucial para criar um algo à mais para o que está por vir.

Crédito Desenho: Não encontrei a fonte original. Quem souber nos avise para que possamos colocar os devidos créditos.

Deixe uma resposta