Posts com a tag:Editora Gutenberg

Entre Páginas – A História do Futuro de Glory O’Brien

Por , 22 de junho de 2017 12:35

Esse foi o terceiro livro que li da A.S. King. E foi: diferente, revelador e…o melhor.

Resenha A História do Futuro de Glory O'BrienO fim do ensino médio é uma época de possibilidades infinitas – mas não para Glory O’Brien, uma jovem norte-americana que não tem nenhum plano para o futuro. Sua mãe cometeu suicídio quando Glory tinha apenas 4 anos, e ela nunca parou de se perguntar se seguiria o mesmo caminho… Até que numa noite transformadora ela começa a experimentar um novo e surpreendente poder que lhe permite enxergar o passado e o futuro das pessoas.

De antepassados a muitas gerações futuras, a jovem é bombardeada com visões – e o que ela vê pela frente é aterrorizante: um novo líder tirânico toma o poder e levanta um exército. Os direitos das mulheres desaparecem. Uma violenta segunda guerra civil explode. Jovens garotas somem diariamente, vendidas ou confinadas em campos de concentração.

Sem saber o que fazer, Glory decide registrar todas as suas visões, na esperança de que a sua História do Futuro sirva de alerta e evite o que vem por aí.

Mas será que as pessoas vão acreditar nela? Será que estarão dispostas a fazer o que é necessário para impedir a concretização daquele destino medonho?

Durante muitos anos, YA foi meu motor condutor de leituras. Se era YA, estava na minha lista, esperando para ser devorado.

Foi assim por um bom tempo, mas nos últimos 2 anos fui mudando as minhas direções. Ainda amo YA com todo o meu coração, só que agora escolho a dedo os que vou ler, exatamente para não me decepcionar.

Continue Lendo!

Entre Páginas – Codinome Lady V

Por , 6 de fevereiro de 2017 8:00

Nós amamos romances de época e quanto mais autores e livros tivermos a oportunidade de ler em português, melhor!

Pensando nisso, a editora Gutenberg trouxe para o Brasil um nova escritora, para nos encantarmos mais ainda com nossos romances favoritos.

Lorraine Heath pode ser nova por aqui, mas lá fora ela inclusive já ganhou um RITA (prêmio máximo do romance) pela novela Always to remember. Então podemos ter certeza de que a leitura é boa na certa.

Codinome Lady V é definitivamente um título melhor do que a tradução literal do título em inglês, Falling into a bed with a Duke, que soaria como “‘Caindo’ na cama com um duque”. Esse é o primeiro livro da série Os sedutores de Havishan, que conta as aventuras de um grupo de 3 amigos que cresceram juntos – e, ao fim da leitura de Codinome Lady V fiquei mais ansiosa para ler as histórias dos outros mocinhos.

 

Codinome Lady V

 

Cansada de rejeitar pretendentes interessados apenas em seu dote escandalosamente vultoso, Minerva Dodger decide que é melhor ser uma solteirona do que se tornar a esposa de alguém que só quer seu dinheiro. No entanto, ela não está disposta a morrer sem conhecer os prazeres de uma noite de núpcias e, assim, decide ir ao Clube Nightingale, um misterioso lugar que permite que as mulheres tenham um amante sem manchar sua reputação.

Protegida por uma máscara e pelo codinome Lady V, Minerva mal consegue acreditar que despertou o desejo de um dos mais cobiçados cavalheiros da sociedade londrina, o Duque de Ashebury. E acredita menos ainda quando ele começa a cortejá-la fora do clube. Por mais que ele seja tudo o que ela sempre sonhou, Minerva não pode correr o risco de ele descobrir sua identidade, e não vai tolerar outro caçador de fortunas.

Depois de uma noite de amor com Lady V, Ashe não consegue tirar da cabeça aquela mulher de máscara branca, belas pernas e língua afiada. Mesmo sem saber quem ela é, o duque nunca tinha ficado tão fascinado por nenhuma outra mulher antes.

Mas agora, à beira da falência, ele precisa arranjar muito dinheiro, e rápido. Sua única saída é se casar com alguma jovem que tenha um belo dote, e sua aposta mais certeira é a Srta. Dodger, a megera solteirona que tem fama de espantar todos os seus pretendentes.

 

Continue Lendo!

Entre Páginas – A Entrevista

Por , 2 de fevereiro de 2017 6:30

IMG_0372

Linda, inteligentíssima e extremamente sensual, Tess Canyon é uma jovem determinada a se vingar de um dos maiores grupos dos EUA, as Empresas Diamond. Seu pai, um alto executivo, foi acusado de desviar fundos da empresa para gastar com uma suposta amante e teve sua carreira destruída. E isso o levou à morte…

A oportunidade de candidatar-se à vaga de Assistente Executiva do poderoso Mr. King parece ser a maneira ideal de infiltrar-se na empresa para limpar o nome de seu falecido pai.

Mas o processo seletivo não é o que ela espera. Chegando à sede da empresa, ela é escoltada até um helicóptero e, com os olhos vendados, é levada para um local secreto. Lá, Tess conhece Mr. King e descobre que a vaga na verdade é para o novo CEO das Empresas Diamond. Seu desafio será passar por sete testes durante uma semana.

Tess será avaliada por sete misteriosos executivos — deliciosamente bonitos —, um para a tarefa de cada dia. Agora ela precisará usar toda a sua habilidade e competência se quiser ter sucesso e resistir ao magnetismo poderoso dos homens irresistíveis enviados para ajudá-la — ou distraí-la. Um desafio que poderá levá-la ao topo, ou arruiná-la para sempre.

A publicação online de A Entrevista, de Shana Gray, foi diferente: na semana passada, a cada novo dia tínhamos disponível uma nova parte do processo seletivo da Tess Canyon para ler.

Ao longo da semana ela vai conhecendo pessoas e homens irresistíveis do Grupo Diamond e, a cada dia, ela tem que enfrentar os desafios do novo trabalho para o qual estava se candidatando, além de resistir aos homens bonitos que aparecem a cada nova jornada.

 

Continue Lendo!

Entre Páginas – Todo Mundo Vê Formigas

Por , 18 de janeiro de 2017 19:45

Só li um livro de YA em 2016, e escolhi o livro certo para ler: a história de A.S. King é muito especial.

1421-20161014093208A 1ª coisa que você precisa saber é que tudo o que eu fiz foi uma pergunta idiota.

A 2ª coisa que você precisa saber é que essa pergunta idiota me trouxe muitos problemas com Nader McMillan, o cara que faz bullying comigo desde que eu tinha 7 anos. E uma semana atrás ele pegou bem pesado comigo. Foi aí que eu comecei a ver formigas.
A 3ª coisa que você precisa saber é que meu avô Harry desapareceu durante a Guerra do Vietnã e nunca foi encontrado. Então, todas as noites, eu tento resgatá-lo da sua prisão na selva em meus sonhos. Mas nunca consigo.

A 4ª coisa que você precisa saber é que minha mãe é uma lula e meu pai, uma tartaruga. Ela tenta afogar os seus problemas nadando o dia todo em uma piscina pública, e ele nunca está por perto e desaparece dentro da casca no primeiro sinal de confronto. Então, se juntarmos Nader McMillan, a minha pergunta idiota, vovô, e tudo o mais na minha vida, somos só eu e as formigas.

Eu amo ler YA. Para mim é um gênero que não recebe toda a atenção e carinho que merecia do público.

Isso sendo dito, ano passado eu não tinha lido nenhum livro desse gênero até nas últimas semanas de dezembro, e se não tivesse pegado o Todo Mundo Vê Formigas da A.S. King ia fechar o ano sem.

Mas se tive que ler só um livro, que bom que foi esse.

Já havia lido o outro livro publicada da King no Brasil pela Editora Gutenberg, Os Dois Mundos de Astrid Jones (Leia Review AQUI!), mas não estava preparada para tudo que lida tinha a dizer nesse livro.

A história parece ser simples e bem leve, mas a medida que vamos entrando na vida de Luck, vamos entendendo a profundidade da história que estamos lendo. Luck tem problemas com bullying, sem namorada e não consegue se conectar com o pai, enquanto sente uma ligação gigante com o avó que nunca conheceu.

Continue lendo 'Entre Páginas – Todo Mundo Vê Formigas'»

Entre Páginas – Spotlight: Segredos Revelados

Por , 12 de janeiro de 2017 12:30

Eu já tinha visto o filme, mas ainda assim, ler sobre a reportagem do The Boston Globe que denunciou os abusos sexuais dos padres da igreja católica, foi uma experiência completamente diferente.

spotlightSpotlight – Segredos Revelados conta as descobertas da real investigação feita por um grupo de corajosos jornalistas, ganhadores do Prêmio Pulitzer em 2003, que denunciaram uma sucessão de abusos sexuais, obrigando a Igreja Católica a prestar contas.

Em janeiro de 2002, o jornal The Boston Globe publicou uma série de reportagens que chocou o mundo. Centenas de crianças em Boston foram molestadas sexualmente por padres – certos de sua impunidade, eles agiam com o aval das autoridades religiosas, que acobertaram seus crimes por décadas. As reportagens revelaram a obscena quantia gasta pela Igreja Católica com acordos para comprar o silêncio das vítimas cujas vidas foram devastadas por pedófilos que vestiam hábito e tinham o Pai Nosso na ponta da língua.

A denúncia abalou as estruturas da Igreja Católica e deixou milhões de fiéis no mundo inteiro estarrecidos, furiosos e indignados: a instituição que deveria servir e proteger a comunidade usou sua poderosa influência para se resguardar do escândalo.

Em um mundo cheio de incertezas e mudanças algumas são mais fáceis, e outras, são um pouco difíceis de digerir.

São as mudanças que cabem na segunda categoria, são as mais importantes para o crescimento, amadurecimento e discernimento da humanidade. Quando a reportagem do The Boston Globe foi publicada, eu tinha 13 anos, e me lembro vagamente de vários comentários sobre isso.

Continue Lendo!

Entre Páginas – Cilada para um Marquês

Por , 20 de outubro de 2016 11:50

Como não amar um livro da Sarah Maclean??? <3

resenha-cilada-para-um-marquesSophie Talbot é conhecida pela Sociedade como uma das Irmãs Perigosas – mulheres Talbot que fazem de tudo para se arranjar com algum aristocrata. O apelido chega a ser engraçado, pois se existe algo que Sophie abomina é a aristocracia. Mas parece que mesmo não sendo uma irmã tão perigosa assim, o perigo a persegue por todos os lugares.

Quando a mais “desinteressante” das irmãs Talbot se torna o centro de um escândalo, ela decide que chegou a hora de partir de Londres e voltar para o interior, onde vivia antes de seu pai conquistar um título. Em Mossband, ela pretende abrir sua própria livraria e encontrar Robbie, um jovem que não vê há mais de uma década, mas que jura estar esperando por ela.

No entanto, ao fugir de Londres, seu destino cruza com o de Rei, o Marquês de Eversley e futuro Duque de Lyne, um homem com a fama de dissolver noivados e arruinar as damas da Sociedade. Rei está a caminho de Cumbria para visitar o odioso pai à beira da morte e tomar posse de seu ducado. Tudo o que ele menos precisava era de uma Irmã Perigosa em seu encalço.

O Marquês de Eversley está convicto de que Lady Sophie Talbot invadiu sua carruagem para forçá-lo a se casar com ela e conquistar um título de futura duquesa. Já Sophie tenta provar que não se casaria com ele nem que fosse o último homem da cristandade. Mas e quando o perigo tem olhos verdes, cabelos claros e a língua afiada?

Essa viagem será mais longa do que eles imaginavam…

Nessa altura, vocês já devem ter percebido que algumas autoras fazem parte de um grupo seleto e exclusivo: o das nossas autoras favoritas.

Sarah Maclean entrou nas nossas vidas 3 anos atrás e nunca mais saiu. Entrando na sua terceira série, ela nos apresenta dois personagens totalmente novos: Sophie e Rei.

Como o próprio nome da série entrega, Escândalo e Canalha vão seguir Sophie Talbot desde as primeiras páginas do livro.

Continue Lendo!

Entre Páginas – A Dama da Meia-Noite

Por , 6 de outubro de 2016 12:05

A cada livro, as solteironas de Spindle Cove vão conquistando os seus pretendentes improváveis e os leitores, mas Kate e principalmente o Cabo Thorne são totalmente irresistíveis.  <3

tessaApós anos lutando por sua vida, a doce professora de piano, Srta. Kate Taylor, encontrou um lar e amizades eternas em Spindle Cove. Mas seu coração nunca parou de buscar desesperadamente a verdade sobre o seu passado. Em seu rosto, uma mancha cor-de-vinho é a única marca que ela possui de seu nascimento. Não há documentos, pistas, e nem ao menos lembranças.

Depois de uma visita desanimadora para sua ex-professora, que se recusa a dizer qualquer coisa para Kate, ela conta apenas com a bondade de um morador de Spindle Cove, o misterioso, frio e brutalmente lindo, Cabo Thorne, para voltar para casa em segurança. Embora Kate inicialmente sinta-se intimidada por sua escolta, uma atração mútua faísca entre os dois durante a viagem. Ao chegar de volta à pensão onde mora, Kate fica surpresa ao encontrar um grupo de aristocratas que afirma ser sua família.

Extremamente desconfiado, Thorne propõe um noivado fictício à Kate, permitindo-lhe ficar ao seu lado para protegê-la e descobrir as reais intenções daquela família. Mas o noivado falso traz à tona sentimentos genuínos, assim como respostas às perguntas de Kate.

Acostumado com combates e campos de batalhas, Thorne se vê na pior guerra que poderia imaginar. Ele guarda um segredo sobre Kate e fará de tudo para protegê-la de qualquer mal que se atreva atravessar seu caminho, seja uma suposta família oportunista ou até ele mesmo.

Somos apaixonados por romances históricos, e se algumas histórias que podem parecer parecidas, cada autora carrega seus próprios elementos para a trama, as tornando totalmente diferenciadas.

A série Splinde Cove de Tessa Dare é apaixonante, mas achei que não gostaria tanto de outro livro da série depois de ler Uma Semana Para se Perder, afinal as aventuras de Minerva e Colin foi muito bem escrita. Porém, (ainda bem) estava enganada.

Continue Lendo!

Entre Páginas – A Redenção

Por , 29 de setembro de 2016 11:56

Depois de ter lido A Protegida e Smooth Talking Stranger (terceiro livro da série), A Redenção era o livro que mais esperava ler, pois depois de saber que o “vilão” de A Protegida teria sua chance neste livro, fiquei intrigada pela história que Lisa nos apresentaria.

Eu já sei que o estilo de Lisa para os romances contemporâneos é bem diferente dos históricos. Suas histórias são mais sérias e com personagens de grande bagagem emocional, e nos deleita com romances bem construídos, mas com histórias acima de tudo de superação de personagens fortes e bem construídos.

a-redencao-lisa-kleypasHerdeira caçula de um verdadeiro império, Haven é uma mulher obstinada que vive de acordo com os próprios princípios e que não tem medo de bater de frente com o pai, Churchill Travis, um dos homens mais ricos e respeitados do Texas. Mas ao cortar relações com ele para se casar com um homem que sua família desaprova, Haven vê sua vida se transformar num verdadeiro inferno… e não tem para quem pedir ajuda. Dois anos depois, Haven volta para casa, com a alma abatida e o coração fechado, determinada a construir sua vida sozinha. Mas Hardy Cates e seus irresistíveis olhos azuis cruzam seu caminho, e ele é a última pessoa que ela precisa encontrar. Hardy é o mais novo magnata da indústria petroleira de Houston, um homem de sangue quente que aprendeu desde muito cedo a não confiar em ninguém e que nunca mediu esforços para chegar aonde quer: ao topo! Em sua jornada alimentada pela ambição desmedida, ele conquista poder e inimigos, incluindo os homens da poderosa família Travis. O que ele não esperava era sentir suas defesas serem abaladas pela herdeira da família. Conseguirão duas pessoas que aprenderam da pior maneira que o amor pode ser o inimigo mais cruel deixar para trás todos os traumas e se permitir uma nova chance?

A Redenção é a história de superação de Haven, como uma mulher pode seguir em frente depois de passar por um grande trauma? Como recomeçar a vida quando se esta psicologicamente enfraquecida? Este livro é cheio de pontos altos e baixo na qual acompanhamos a evolução de Haven e como ela lida com cada mudança em sua vida.

O livro não é fácil de ler, e me surpreendi por essa talvez ser a história mais “pesada” da Lisa, simplesmente não estou acostumada com este estilo. O leitor que já se aventurou pelos romances de época poderá estranhar e muito esta história. É um livro que surpreende pelos temas abordados, e como na sociedade é difícil para as mulheres lidares com a violência doméstica. Ao mesmo tempo que não foi fácil lê-lo, também foi difícil de larga-lo. A história é envolvente, e cativante do início ao fim.

Continue Lendo!

Entre Páginas – Descubra-me

Por , 1 de fevereiro de 2016 12:05

Os dois primeiros livros da série foram intensos com os romances dos irmãos Devereaux, Proteja-me e Salve-me, e agora foi a vez de Zack ganhar um livro só seu, e ter tempo de contar a sua história que é de tirar o fôlego.

1295-20151030102842Há 12 anos, Zack perdeu o amor de sua vida. Sem saber se Gracie morreu ou se ela o abandonou, ele procura qualquer pista sobre o seu paradeiro, tentando pôr um fim ao tormento. Sua carreira no futebol americano foi deixada de lado, pois nada teria mais importância que descobrir o motivo de Gracie ter desaparecido. Empregado pela DSS, a empresa de segurança dos irmãos Devereaux, Zack se torna o braço direito de Caleb e Beau, atento a qualquer informação que o desperte do seu pior pesadelo e traga de volta a sua felicidade.

Há 12 anos, Anna-Grace foi traída pelo homem que havia jurado jamais lhe fazer mal. Escondendo um passado terrível enquanto se mantém sobre a proteção do poderoso Wade Sterling, ela quer apenas se manter longe de todas as memórias que a destruíram por completo: esquecer o homem que a arruinou e que ela um dia havia amado.

 

Zack tinha um passado difícil.

Isso foi algo que ficou claro principalmente em Salve-me, e depois de ler a  a sinopse do livro, as minhas expectativas subiram ainda  mais elevadas, mas nem poderia imaginar que a história de Anna-Grace e Zack seria tão emaranhada e intensa.

É tão grande e preocupante, que em certo momento você se questiona se isso vai mesmo se reverter, já que Anna-Grace passou doze anos com uma perspectiva tão errada da realidade, mas obviamente Banks cria um mocinho tão bondoso e persistente que vamos junto com a Anna desmanchando por ele e para quem já leu os livros dela sabe que ela é única em criar homens eletrizantes. =D

De todos os mocinhos dessa série, Zack é até agora o que teve que mais batalhar pelo seu amor e também o que mais sofreu. Ao comparar, Caleb e Beau tiveram uma história ‘tranquila’ e vou parar por aqui para não soltar nenhum spoiler.

Anna-Grace foi uma personagem tão fechado no inicio que fica difícil criar uma imagem mais clara dela, porém a medida que vamos conhecendo tudo que ela passou, dá vontade de pegar no colo e não deixar nada acontecer, ou melhor, torcemos para que Zack faça exatamente isso. <3

Como já disse anteriormente, essa série tem uma escrita a mesma escrita da Maya que gostamos, mas nessa série ela toma um tempo maior contado a história propriamente e com pitadas sobrenaturais, mostra mais uma faceta do seu talento.

Banks é sinônimo de histórias bem apimentadas pelo seu histórico, porém poucas sabem como ela contar uma história de romances impossíveis e os tornar real. Nessa parte ela é especialista em abrir caminhos para os leitores de aconchegarem e torcerem pelos protagonistas.

E enquanto ela continuar assim, eu vou ler cada um de seus livros.

Ficha Técnica:

Livro: Descubra-me, série Slow Burn

Autora: Maya Banks

Editora: Gutenberg

Páginas: 256 páginas

Nota: 4/5 estrelas

Entre Páginas: Amor Amargo

Por , 15 de outubro de 2015 20:49

1249-20150728134547Último ano do colégio: a formatura da estudiosa Alex se aproxima, assim como a promessa feita com seus dois melhores amigos, Bethany e Zach, de viajarem até o Colorado, local para onde sua mãe estava indo quando morreu em um acidente.

O Dia da Viagem se torna cada vez mais próximo, e tudo corre conforme o planejado.

Até Cole aparecer.

Encantador, divertido, sensível, um astro dos esportes. Alex parece não acreditar que o garoto está ali, querendo se aproximar dela. Quando os dois iniciam um relacionamento, tudo parece caminhar às mil maravilhas, até que ela começa a conhecê-lo de verdade…

Já falei aqui várias vezes e volto a repetir: Literatura Young Adult é puro ouro.

Nem sempre é fácil retratar uma fase tão conturbada da, cada um teve uma experiência e uma vivência diferente do outro.

Uns aprenderam com muita cabeçadas, outros tiveram uma fase quase ‘tranquila’ sem grandes percalços, e mais pessoas do que gostaríamos de pensar, viveram um verdadeiro inferno, como a protagonista desse livro, Alex.

Continue Lendo!