Leggendo gli italiani – Afirma Pereira

“(…) a filosofia parece só tratar da verdade, mas talvez só diga fantasias, e a literatura parece só tratar de fantasias, mas talvez diga a verdade.” Há anos que acompanho as publicações da TAG Livros, mas nunca havia sentido o ímpeto de assinar o clube, pois sabia que seria apenas mais uma forma de acumular livros não livros na estante – o que eu já … Continuar lendo Leggendo gli italiani – Afirma Pereira

Leggendo gli italiani – 40 novelas de Luigi Pirandello

“A arte, meus senhores, tem a tarefa de tornar as almas imóveis, de fixar a vida em um momento ou em vários momentos determinados.” Fazer uma incursão pela literatura italiana sem ler Luigi Pirandello poderia ser equivalente a tentar conhecer a literatura brasileira sem nunca ter lido Machado de Assis – factível, é verdade, mas uma experiência bem menos enriquecedora… Vencedor do Prêmio Nobel de … Continuar lendo Leggendo gli italiani – 40 novelas de Luigi Pirandello

Leggendo gli italiani – Laços

“Caso tenha esquecido, egrégio senhor, permita-me recordar: sou a sua mulher.” É com essa frase impactante que se inicia Laços, um dos livros mais famosos do autor italiano Domenico Starnone, conhecido por sua narrativa marcante e pela forma com que desnuda os relacionamentos e os sentimentos humanos em suas obras. E esse seu estilo narrativo despertou – e continua despertando – a curiosidade do público … Continuar lendo Leggendo gli italiani – Laços

Leggendo gli italiani – A filha perdida

“Pensei em como um ato obscuro gera outros, cada vez mais obscuros, então o problema é interromper a cadeia.” Em meio ao meu amor repentino pela Itália e pela língua italiana, é claro que não tinha como deixar de fora a literatura! E a Elena Ferrante é uma das grandes responsáveis por me fazer querer mergulhar nos livros dos autores do país… Eu ensaiei muito … Continuar lendo Leggendo gli italiani – A filha perdida

Leggendo gli italiani – A vida mentirosa dos adultos

“O que se passa, afinal, no mundo dos adultos, na cabeça de pessoas extremamente racionais, em seus corpos carregados de saber? O que os reduzia a animais dentre os menos confiáveis, piores do que os répteis?” Como já comentei neste post, durante a quarentena eu caí de amores pela Itália – pela língua, pela cultura, pelas séries… e pelos livros. A partir daí iniciei uma … Continuar lendo Leggendo gli italiani – A vida mentirosa dos adultos

Clube de Leitura do Café – Dias de abandono

Não é a primeira vez que as três meninas do Café se aventuram em uma leitura conjunta, mas depois de muito tempo – e algumas tentativas frustradas – resolvemos tentar novamente com esse desafio. A ideia de voltar a ler juntas e comentarmos nossas impressões em grupo surgiu em uma das inúmeras vezes que saímos para papear. Desta vez, no meio da Livraria Cultura e … Continuar lendo Clube de Leitura do Café – Dias de abandono

Amor de quarentena: como a Sabrina ficou obcecada com a Itália

A minha história de amor com tudo o que envolve a Itália começou há muito, muito tempo. Um dos primeiros CDs do qual tenho a memória de ouvir sem parar, quando tinha uns 5 anos de idade, é um daLaura Pausini que leva o mesmo nome da cantora. Não fazia ideia do que queria dizer “Marco se n’è andato e non ritorna più”, mas sabia … Continuar lendo Amor de quarentena: como a Sabrina ficou obcecada com a Itália

Entre Páginas – O Cavaleiro Inexistente

Post do arquivo do Café com Blá Blá Blá* Este post faz parte do arquivo do blog. Em 2018 nós perdemos todos os posts antigos e, aos poucos, estamos subindo o conteúdo antigo para que todos tenham acesso.   Foi em uma deliciosa tarde de sábado, sentada com amigas ao redor de uma mesa farta em um café digno dos tempos de Jane Austen, que … Continuar lendo Entre Páginas – O Cavaleiro Inexistente